Fandom

Campanhas Wikia

Penhora On Line

265 pages em
Este wiki
Adicione uma página
Discussão1 Compartilhar

PENHORA ON LINE Editar

Um verdadeiro abuso de poder com justificativas muitas das vezes baseadas em decisões Levianas e argumentações mentirosas, promovida através de uma porta paternalista em prol dos supostos trabalhadores ou melhor dizendo, um verdadeiro racismo discriminatório conceitual nas relações de trabalho e emprego.

Espelha segundas intenções para aqueles que são vítima desse tipo de procedimentos promovido pela Justiça do Trabalho, pois o verdadeiro beneficiário não tem direito do que foi penhorado, fica retido até completar o montante real indenizatório, quando, através de uma petição, pedirá ao Magnânimo Deuses de Capas Pretas a liberação de um alvará, para que então, possa resgatar a sua suposta indenização.

No entanto, até que se complete este montante, o dinheiro fica retido, beneficiando a alguém, na verdade, uma retenção oportuna para os poderes ou outros com nomes e endereços desconhecidos que saboreiam e se banqueteiam desse momento, quando de fato, deviria ser entregue ao suposto ou a suposta vítima indefesa.

Posso até pensar que este dinheiro serviria para controlar o cambio na compra de dólar ou quem sabe se essas partes de verbas indenizatórias não são usadas pelo banco detentor dessa vultosas quantia em prol de caminhos desconhecidos pela nação.

A Arbitrariedade é tamanha que esquecem de definir valores para bloqueio, e assim, bloqueiam tudo que por ventura estiver na sua conta Jurídica ou física, sem a menor preocupação de saber se parte dessa verba existente sustentará outras famílias que dependiam desse recebimentos, ou então, se um vida dependia do custeio vindo daquela fonte.

Sem controle coerentes e imparciais, tomam decisões escandalosamente arbitrárias, pois escorados nas Leis e não amparados, os Deuses tomam atitudes cruéis e sem metodologias que dite parâmetros percentuais correlacionados com o montante das ações ou dos saldos existentes.

Como pode uma Lei ser tão burra assim e racista socialmente, ou será que tem que ser assim para melhor servir a vítima desprotegida e ignorante, pois na verdade, usam esta vítima como apoio para este confisco interessante e prazeroso.

Vejam o caso do Fundo de Garantia, nada mais é do que um volume de dinheiro retido, supostamente para benefício dos trabalhadores, na verdade, o governo se banqueteia, alega que esta construindo e investindo, mas não sabemos aonde, ou quando sabemos é por um estouro de um escândalo qualquer.

Sinto o cheiro de lama podre, sinto cheiro de outros objetivos e não o real fato indenizatório, sinto que jogos de interesses estão por trás, e, quem sabe se não é as próprias instituições financeiras financiadoras de campanhas eleitoreiras, ou os recentes casos das malas de dinheiros e das cuecas valiosas.

Porque o indivíduo supostamente indenizado tem prioridade e todos os outros devem ficar a espera dessa justiça lenta e morosa, cheia de falhas e arbitrariedade, julgando sem olhar o passado de ambos os envolvidos, onde, na verdade, deveriam levantar os históricos para uma avaliação prévia antes da ação começar.

Como pode uma Justiça que foi feita para julgar com imparcialidade plena, cometer tantas irregularidades e racismo social nas relações trabalhistas, pode a OAB ficar calada diante dessa gigantesca forma de aplicar as Leis com atitudes fora das Leis, o que será que existe que impede atitudes dignas para cobrar explicações.

A Penhora On Line é um verdadeiro abuso de poder, com uma dose maciça de racismo conceitual, onde empresas encerram seus expedientes com saldos bancários e quando voltam as atividades estão com seus caixa zerados sumariamente e sem condições de saldar seus compromisso, que talvez, sejam menos importante aos olhos dessa Justiça Trabalhista.

A arbitrariedade são inúmeras:

1- Racismo conceitual e social nas relações trabalho e emprego. 2- Abuso de poder quando não se tem um padrão de procedimento que evite afetar danos a terceiros. 3- Não repassa imediatamente o valor bloqueado a suposta vítima. 4- Apropriação indébita por retenção de verbas rescisória ou de ações trabalhistas. 5- Danos morais pela humilhação que o devedor passa diante dos seus credores. 6- Fonte provocadora de falência. 7- Ação que gera inadimplência aos outros tributos que acabam gerando novos processos. 8- Uma Justiça que erra constantemente e nenhum Juiz é penalizado. 9- Vagas cativas em vias públicas, vejam bem, Vias públicas que pertence a todos não é um abuso de poder. 10- Regalias escandalosas já denunciadas pelos noticiários. 11- Juizes com pouca idade de origem de famílias de Juizes, talvez uma mera coincidência, quem sabe. 12 – Etc....

Será que os nossos Juizes trabalhistas não estão cometendo crimes escorados nas Leis ou na maldita CLT desatualizada, e o artigo 5º da constituição, como é que fica, há fica pra depois, só tem ignorante na massa que poderia derrubar uma instituição ou um governo. O povo brasileiro esta acostumado a apanhar na cara e não reage, acha que merecia, de fato, merece sim por ser acomodado e submisso.

Sei que a moeda tem dois lado, mas a Justiça Trabalhista já criou costumes ou melhor dizendo, vícios, pois o trabalhador quando entra com uma ação já possui 50% da causa ganha, e mais, sabe que a Justiça do Trabalho se transformou numa maravilhosa fonte de receitas alheias, liberações fantásticas e manutenção de sustento e custeio para o desempregado através do auxilio desemprego, que nós, os verdadeiros trabalhadores pagamos.

Como podem, os nossos fantásticos deputados, senadores vim a publico pedir votos para novos mandatos se no anterior nada fizeram, e o povo, totalmente ignorante acreditam nas promessas absurdas como foi o casos dos atuais políticos, que nada fizeram para o povo e pro país, fizeram sim, para os seus bolsos.

Ta na hora, de nós, os pouco menos ignorantes dispor de um tempo para escrever as nossas mágoas e revolta e divulgá-la de forma constante para este país mudar e voltar a gerar empregos e trabalhos dignos, e não mais elegermos estes políticos que criam Leis absurdas com intuitos eleitoreiros, onde a massa ignorantes dessa nação jogam fora seus votos nomeando esta corja podre, para depois, ficarem se lamentando e chorando miséria porque não tem emprego para ele e nem para os seus filhos, que por fim, acabam partindo para bandidagem como esta estampado todos os dias nas manchetes e noticiários.

Estou exercendo meu direito de Cidadão Brasileiro, ou seja, estou exercendo a minha cidadania.

Paulo Roberto Sanches - 26/08/06

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Mais da comunidade Wikia

Wiki aleatória